Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O lápis que vê

O lápis que vê

17 de Junho, 2020

Pensamento aleatório despregado #60

Ana Isabel Sampaio

54434665_1138102323029672_8827842249388720128_n.jp

Às vezes, achamos que as vozes da ignorância são mais e gritam mais alto, mas é mentira.

É só porque as vozes do bom senso tendem a ser mais discretas, porque têm… bom senso. Mas corre-se o perigo de achar que são menos ou estão mais isoladas. Por isso, é preciso, cada vez mais, usarmos a nossa voz - para construir pontes, diálogo e entendimento.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.