Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O lápis que vê

O lápis que vê

10 de Junho, 2019

Pensamento aleatório despregado #37

Ana Isabel Sampaio

54434665_1138102323029672_8827842249388720128_n.jp

 

Hoje é o dia de vários desfiles de orgulho gay e este mês, pelo que percebi é o mês em que se comemora. Ora dos comentários mais maravilhosos que fui vendo (não vou falar claro, dos abertamente preconceituosos, ignorantes e até violentos) foi os que perguntavam sobre e porque não um mês, desfile de orgulho hétero. Se calhar em vez de discorrer comentários e opiniões era bom que as pessoas se questionassem mais. Vamos lá porque não existe um mês de orgulho hétero ou desfiles, o que seja? Se calhar é porque não há violência contra essa escolha sexual, então, em vez de serem parvos, deviam era estar agradecidos.

Black lives matter, orgulho gay, dia da mulher e outras comemorações deste tipo só existem porque infelizmente os direitos e a segurança dessas pessoas não é igual, é menos, é mais frágil.

Então, nós que falamos do lado dos privilegiados, sim, é um privilégio, até mesmo a questão das mulheres, dentro do mau, não estamos no pior (mas não é propriamente o paraíso, não achem) devíamos agradecer e apoiar, ou pelo menos não atrapalhar dizendo parvoíces.