Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O lápis que vê

O lápis que vê

02 de Agosto, 2018

Pensamento aleatório despregado #11

Ana Isabel Sampaio

Pensamento aleatório despregado.jpg

 

Porque é que quando um homem bonito assume que é gay de repente passa a ser um desperdício? Isto vem a propósito de uma amiga que fez o comentário em relação a um ator bem giro. Continua a ser giro de morrer, continua a ser bom ator e fonte de inspiração? Porque é que de alguma forma se deixa que a orientação sexual das pessoas influencie a nossa perceção de beleza? Eu não me sinto minimamente atraída por mulheres, mas, no entanto, isso não me impede de ver e apreciar a sua beleza e até sentir-me inspirada por ela.

Eu sei, lá estou a eu a esmiuçar os pormenores, mas são nestes pormenores que se revelam e perpetuam preconceitos.

As escolhas pessoais que não afetam a mais ninguém a não ser a própria pessoa, perdoem-me a redundância, não deveriam afetar a nossa perceção de beleza ou merecimento de admiração em relação a alguém. Só porque um homem é gay, não quer dizer que eu o deixe de perceber como atraente e isso é só isso.

Temos mesmo de deixar cair todos os estereótipos. Todos mesmo… Conceitos, preconceitos e rótulos… E sim, morder a língua sempre que alguma coisa deste tipo nos escapa. Porque escapa a todos, porque todos temos os nossos preconceitos e é importante estarmos alerta para eles para que não se tornem tóxicos ou prejudiciais para os outros e para nós próprios.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.