Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O lápis que vê

O lápis que vê

07 de Junho, 2020

Ontem: as palavras de ordem!

Ana Isabel Sampaio

Palavras de ordem de ontem: amizade, solidariedade e entendimento.

Lembremo-nos do conforto do privilégio onde nos sentamos e que nem todos se sentam no mesmo sofá. Se ser discriminada enquanto mulher é profundamente frustrante e revoltante, só posso imaginar o que é ser mulher e pertencer a uma minoria. As lutas complementam-se. Quando em pleno seculo XXI ainda temos de batalhar pela igualdade, por direitos humanos básicos para todos, pela sustentabilidade do nosso planeta, que é que isso diz de nós enquanto espécie?

Lembremo-nos do que foi preciso lutar e da importância de exercer a cada dia os direitos conseguidos, para que não sejam abafados nos berros do fascismo crescente. Enquanto houver uma pessoa que seja a ser oprimida, somos todos oprimidos.

 

Yesterday's slogans: friendship, solidarity and understanding.

Let us remember the comfort of the privilege where we sit and that not everyone sits on the comfort. If being discriminated against as a woman is deeply frustrating and revolting, I can only imagine what it is like to be a woman and belong to a minority. The fights complement each other. When in the 21st century we still have to fight for equality, for basic human rights for all, for the sustainability of our planet, what does that say about us as a species?

Let us remember all the fights that those who came before us had to fight and the importance of exercising our rights everyday day, so that they are not drowned out in the screams of growing fascism. As long as there is one person who is oppressed, we are all oppressed.

E claro, o meu... (and my own).

 

 

2 comentários

Comentar post