Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O lápis que vê

O lápis que vê

16 de Fevereiro, 2015

Nem um raio de sol

Ana Isabel Sampaio
O sol já se esconde por detrás do nevoeiro cerrado ao fundo do mar, na linha do horizonte. Todas as horas que passaram pareceram intermináveis. Um marasmo de tédio organizado que vem sempre impreterivelmente neste dia de minutos longos.

Nem um raio de sol tocou a minha pele nesta tarde.