Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O lápis que vê

O lápis que vê

14 de Fevereiro, 2020

Manual para iniciar relacionamentos

Ana Isabel Sampaio

Copy of Copy of Copy of Cópia de Cópia de Copy o

Sentou-se até perceber que estava no café do costume. Estava na mesa, o café na sua frente. Tudo normal. Á sua frente um livro: Manual para iniciar relacionamentos. A confusão estava cada vez maior. Será que tinha simplesmente feito o caminho de casa até ali de forma automática? Mas e então o livro? Não era o tipo de titulo que lhe interessasse muito. Mas lembrou-se da conversa de há uns dias…

Abriu o livro e era só um caderno com páginas em branco. O seu coração acelerou ininterruptamente. A sede de escrever apoderou-se inevitavelmente. Conseguia ver todas as palavras, todas as virgulas, parágrafos e ideias.

Nem um lápis à vista, nem uma caneta.

2 comentários

  • 500 canetas e nem uma à vista
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.