Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O lápis que vê

O lápis que vê

25 de Janeiro, 2021

A sério Portugal?

Ana Isabel Sampaio
Em 2021, em plena era do conhecimento acontece isto num país da Europa (que ainda lambe as feridas do holocausto).

Parece que o meu receio tinha fundamento.

Vivemos em democracia apenas há 47 anos.

A maioria das pessoas que votaram na extrema direita nem sequer teria oportunidades de estudar e ter condições mínimas dignas de vida se vivessem nesse regime que tanto saudosismo causa, mas que poucos têm noção do que representa.

Orgulho, mais uma vez, na minha cidade: Porto que só demonstra que é sempre maior e mais atenta, que a liberdade individual aqui é soberana e é fundamental para se construir uma comunidade, uma sociedade mais plena e justa.

O caminho ainda é longo, mais lo

ngo do que parecia, mas estamos cá todos os dias para relembrar que não passarão.

A imagem pode conter: texto que diz "ONTCINA Ana Isabel Sampaio @AnalsabelSamp É a 1a vez que me sinto apreensiva em dia de eleições. Pela 1a vez tenho medo que os resultados favoreçam ideias que há muito deveriam estar enterradas. Vamos votar pela liberdade, pela união. 10:11 24 jan 21 Twitter for Android"A imagem pode conter: flor, texto que diz "PORTUGAL f"

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.